Revista americana elege brasileiro entre melhores do ano

Uma das principais revistas de blues dos Estados Unidos, a Real Blues, elegeu o CD Upside Down, do guitarrista Igor Prado, de São Caetano do Sul (SP), um dos 100 melhores do ano. É um feito inédito para um artista brasileiro, pois ele concorreu com todos os lançamentos do mundo inteiro.

   Além da guitarra elogiada por dez entre dez músicos do blues nacional, o CD conta com um elenco estelar: os gaitistas Steve Guyger e R.J. Mischo, o saxofonista Ron Dziubla, os cantores J.J. Jackson e Greg Wilson, o gaitista Robson Fernandes, o pianista Ari Borger e o organista Flávio Naves. A Igor Prado Band é formada por seu irmão, Yuri Prado (bateria), André Youssef (piano e órgão) e Rodrigo Mantovani (baixo).

   O guitarrista fará o lançamento oficial do CD em festa da revista Blues’n’Jazz no Bourbon Street Music Club (São Paulo), em 21 de novembro. Clique aqui para ter desconto.

   Além do CD solo, Igor é líder da Prado Blues Band, com a qual tem três outros discos (um deles acompanhando o gaitista do Blues Etílicos, Flávio Guimarães).

 

Elogios internaccionais

 

   O editor da Real Blues, Andy Grigg, enviou um e-mail ao brasileiro, dizendo que o disco “é melhor do que 95% dos CDs de blues dos Estados Unidos” que ele tem ouvido. A edição de novembro da revista terá uma resenha de Upside Down. Em dezembro, a mais importante revista de blues inglesa, Blues Matters, também publicará uma resenha do CD.

   Igor já recebeu muitos elogios no exterior. "Você é um grande guitarrista... Realmente tem o verdadeiro som do west coast blues (nota do editor: estilo conhecido no Brasil como Califórnia blues). Aprecio muito sua forma de tocar”. A frase é ninguém menos que a viúva do grande gaitista William Clarke, Jeannete Clarke.

   “Um dos melhores CDs recentes de blues que ouvi, o som é matador!”, acrescentou o gaitista R.J Mischo. O dono do selo californiano Pacific Blues, Jerry Hall, que distribui internacionalmente o CD, também rasgou elogios: “Fãs de blues consideram essa música como uma forma de arte norte-americana, também tocada por bandas da Europa e do Canadá. Vocês podem acrescentar o Brasil à lista, e creditar a Igor Prado Band como ponta de lança do blues sul-americano para o resto do mundo”.

   Igor acaba de voltar de uma miniturnê pela Itália, onde ficou surpreso pelo fato de já ser conhecido por lá. “Nos shows, todo mundo sabia quem eu era, com quem eu tocava, os discos que lancei, e três pessoas chegaram com o CD na mão pra eu assinar”, conta. No ano que vem está quase certo seu retorno àquele país para tocar em um festival.

 

 

NOVEMBRO DE 2007

 

 

 

CD de Igor Prado entre os 100 melhores

 

 

  Assine a Blues'n'Jazz