Resenhas Anteriores:

Gaspo "Harmônica" & Oly Jr. : "Na capa da gaita"

Manifesto Blues: "Bluz'in"

Marcelo Watanable:  "Acoustic & Eletric"

Marcelo Watanable & Rio Preto All Stars: "Black River Blues"

Hubert Sumlin: "I'm the Back door Man"

John Primer: "All right"

Adrian Flores: "Blues from the deep south"

  Wayne Shorter: "Beyond the soud Barrier"

 

 

  LARRY GARNER – HERE TODAY GONE TOMORROW

(Dixie Frog - Importado)

Por Helton Ribeiro

 

 

   O guitarrista da Louisiana é reconhecido como um dos melhores compositores do blues contemporâneo. E neste CD as letras têm um significado ainda mais especial, refletindo sobre sua vida e um recente ataque cardíaco que quase o levou – daí o título (numa tradução livre, “hoje, aqui; amanhã, se foi”). Ele relembra a infância (Raised in the country), lamenta os males do mundo (Someplace for evil) e mostra disposição em seguir cantando o blues (Keep singing the blues). Esta última tem uma das letras de blues mais inspiradas dos últimos tempos, um diálogo fictício no qual ele ensina a um jovem negro que o blues foi precursor do rap (e exemplifica imitando o vocal declamatório do hip hop e os riffs de guitarra de Bo Diddley). De quebra, começa a música citando o riff de Hendrix em All along the watchtower. O CD tem vários convidados, entre eles o ex-pianista de Howlin’ Wolf Henry Gray (leia sobre ele na pág. 09) e o maior nome do zydeco, o acordeonista Buckwheat Zydeco. A última faixa é um vídeo mostrando Garner no palco.

 

-----------------------------------------------

TEXTO PRODUZIDO EM 03/11/08

 

 

 

 

 

 

 

 

  Assine a Blues'n'Jazz